Facebook Twitter YouTube

CUT SE > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > MOVIMENTO SINDICAL FAZ REFLEXÃO E RETROSPECTIVA NO DIA NACIONAL DOS TRABALHADORES DOMÉSTICOS

Movimento sindical faz reflexão e retrospectiva no Dia Nacional dos Trabalhadores Domésticos

27/04/2018

Escrito por: Iracema Corso

Dia nacional das trabalhadoras e trabalhadores domésticos em todo o Brasil é marcado por diálogo e reflexão sobre as conquistas alcançadas e o horizonte de luta da categoria. Em Sergipe, o Sindicato dos Trabalhadores Domésticos (SINDOMÉSTICO) cancelou a programação que seria realizada na Casa das Domésticas devido a problemas de saúde enfrentados pelas dirigentes Quitéria Santos e a presidente do sindicato, Sueli Maria de Fátima Santos.

 

O SINDOMESTICO é filiado à Central Única dos Trabalhadores (CUT/SE) e sua presidente, Sueli Maria, já representou trabalhadores domésticos sergipanos nos congressos de Trabalhadores Domésticos de 2001 (Belo Horizonte) e 2006 (Salvador). Em maio de 2010, indicada pela CUT, foi uma das 20 delegadas brasileiras à 99ª Conferência Internacional do Trabalho, realizada em Genebra, na Suíça.

 

“Nossa luta, no início, foi uma luta por equiparação, por reconhecimento, por valorização da categoria de trabalhadores domésticos, e conseguimos êxito. Mas tão logo, nós nem chegamos a usufruir deste direito, já veio este golpe horrível contra a democracia que colocou em risco não só a categoria dos trabalhadores domésticos, como os direitos de todas as categorias de trabalhadores. Mas a nossa luta sempre vai continuar. Enquanto houver um trabalhador injustiçado, nós estaremos somando forças. É isto que temos feito a vida toda”, avaliou Sueli Maria.

 

Mesmo sem participar diretamente do movimento por questões de saúde, Sueli dos Santos destacou que as trabalhadoras domésticas precisam ainda compreender a importância e a necessidade de se somar e de fortalecer o movimento sindical. Ela destacou o trabalho articulado da Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas (Fenatrad) que denunciou desde o primeiro momento, de forma implacável, a deputada indicada por Temer ao Ministério do Trabalho por não assinar a carteira do seu motorista, trabalhador doméstico. A mobilização da Fenatrad foi importante para a queda da ministra, conforme observou Sueli Maria. “A Fenatrad é a nossa fortaleza, é a nossa representação. A força do povo trabalhador unido consegue mudar muitos quadros”.

 

Dirigente da FENATRAD, Milka Martins Evangelista, aproveitou a data para fazer uma retrospectiva histórica da luta das trabalhadoras e trabalhadores domésticos no Brasil. “O dia nacional das trabalhadoras domésticas, 27 de abril, é uma data muito importante para a nossa categoria 95% composta por mulheres negras. Nossa luta começou lá em 1936 com Dona Laudelina de Campos Melo, nossa referência, uma guerreira, uma mulher negra, trabalhadora doméstica de garra que lutou para que tivéssemos nossos direitos, pelo reconhecimento na sociedade. O Brasil nos deve muito, fomos a única categoria excluída das garantias trabalhistas pela Constituição Federal de 1988. Sabemos que temos muito por conquistar e estamos de parabéns pela nossa resistência. Estou muito emocionada nesta data e sou mais uma guerreira que junto com todos os sindicatos do Brasil lutamos desconstruindo essa idéia de desvalorização do nosso trabalho, em pleno século 21. Não somos coitadinhas e coitadinhos, somos trabalhadores que merecem o reconhecimento da sociedade. Agradeço a todos que nos apóiam nesta luta, porque juntos somos mais fortes”.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.

João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta(...)

RÁDIO CUT

Copyright © 2002-2012 CUT Central Única dos Trabalhadores | 3.438 - Entidades Filiadas | 7.464.846 - Sócios | 22.034.145 - Representados
Rua Porto da Folha, nº 1039 – Bairro Cirurgia – CEP: 49055 540 – Aracaju/SE | Tel.: (79) 3214-4912 – Fax: (79) 3222-7218