Facebook Twitter YouTube

CUT SE > ARTIGOS > REPÚBLICA NA LAMA

REPÚBLICA NA LAMA

Escrito po: RUBENS MARQUES DE SOUSA (DUDU)

27/03/2017

O ex-presidente do senado Renan Calheiros já havia chamado o ex-Ministro de Justiça Alexandre de Moraes de "Chefete de Polícia" e um juiz federal de "Juizeco", agora para completar o festival de patifaria o procurador geral da república Rodrigo Janot disse que o presidente do TSE Gilmar Mendes está sofrendo de "decrepitude moral" e "disenteria verbal".

 

BRASIL DA TERCEIRIZAÇÃO: AGORA É CADA UM POR SI

A partir de agora o Brasil não terá mais trabalhadores nem operários. Todos serão "empreendedores individuais", patrões de si mesmos. Eu, sociedade anônima. Essa é a nova realidade do Brasil pós-terceirização, onde já se estima que 75% dos postos de trabalho não terão mais os vínculos empregatícios do passado, regidos pela CLT – um "entulho da era Vargas", como dizem os liberais", escreve Leonardo Attuch, editor do Brasil 247; "Nessa nova 'sociedade', porque sem contrato social, a primeira vítima será o setor público, que imagina estar modernizando o País, mas está cavando sua própria sepultura; a segunda consequência é o fim de qualquer esperança de coesão social e de solidariedade entre seus habitantes", questiona e afirma: "Vai dar certo”? “A História ensina que onde não há um mínimo de paz social só existem duas saídas: revoluções ou explosões de violência." completa. (247)

 

ESSA É BOA!

 

O sociólogo Marcelo Zero disse que "comemorar a geração de empregos de fevereiro é como comemorar o gol do Brasil no 7 x1".

 

JARARACA CONTINUA CRESCENDO

 

Já há um consenso entre o PSDB, PMDB, DEM e Cia., de que Lula será imbatível em 2018 e por isso só uma "armação criminosa" poderia barrá-lo.

 

LAÉRCIO OLIVEIRA: VERGONHA NACIONAL

 

'Ninguém faz limpeza melhor do que a mulher', diz relator da terceirização. Essa foi a manchete publicada pelo jornal Folha de São Paulo e replicada por vários veículos de comunicação por todo o Brasil. O deputado federal Laércio Oliveira achou pouco levar o Brasil de marcha ré ao final do século XIX com a desregulamentação da legislação trabalhista e saiu com essa pérola machista. Eu soube que ele vai terceirizar o seu mandato com medo do povo.

 

ASSEMBLEIA UNIFICADA

 

Na segunda-feira, dia 27, o SINTESE fará assembleia unificada com as redes estadual e municipal para decidir se mantém ou não a greve geral.

 

AINDA REPERCUTE I

 

As articulações do governador Jackson Barreto (e do Secretário Jorge Carvalho) com a sua bancada para excluir a deputada Ana Lúcia (PT) da comissão de educação ainda repercutem. Ana Lúcia usou o regimento da ALESE para provar que ela tem direito a vaga (via PT) e por isso cobrou uma posição do partido. Que JB persiga a deputada ainda vá lá, uma vez que ela tem denunciado o governo de destruir a educação pública e massacrar os servidorprofessores e professoras além de bater de frente contra a venda da DESO, daí o partido silenciar...

 

AINDA REPERCUTE II

 

Por que não excluíram o Capitão Samuel da comissão de segurança? Naturalmente porque ele é da área, e a professora Ana Lúcia não é da área da educação? A questão é de perseguição mesmo. Quem domina mais o tema educação na ALESE do que Ana Lúcia?

 

JOÃO DANIEL

 

O Deputado João Daniel usou a tribuna da câmara dos deputados para denunciar o governo golpista de ter virado as costas para o nordeste, principalmente para Sergipe. Segundo ele a quase totalidade dos projetos em andamento na região, depois do golpe foi paralisada.

 

SOLIDARIEDADE DE CLASSE

 

O dia mundial da água (22de março) foi marcado pelo gigantesco ato coordenado pelo SINDSAN que aproveitou a data para denunciar o governo JB e pedir apoio ao povo para impedir a privatização da água. Mais de vinte entidades do movimento sindical e social participaram do ato. A professora Ivonete Cruz presidente do SINTESE mobilizou mais de dois mil professores e professoras para se solidarizarem com os urbanitários e também para unificar a luta contra as reformas da morte. O ato foi encerrado na ALESE com a entrega pelo presidente do sindicato Sérgio Passos ao presidente da casa Luciano Bispo, de uma manifesto assinado por várias entidades contra a venda da empresa,

 

31 DE MARÇO

 

A Frente Brasil Popular (Sergipe) fará ato no dia 31 de março (data do golpe civil-militar) na Praça General Valadão às 15.00h. As análises darão conta de comparar os golpes de 1964 e 2016 e os seus reflexos.

 

CASACA DE COURO EM RECIFE.

 

No início do mês a banda de Forró Casaca de Couro dividiu palco em Recife com o príncipe do forró Alcimar Monteiro. A história da Casaca se confunde com a de Joaquim, dirigente do SINDPREV.

 

ESTÂNCIA

 

Depois da eleição, o debate político em Estância está em estado de hibernação, sem nenhuma novidade no executivo, já no parlamento, afora o vereador Sandro de Bibi que tem duelado com

Dionísio Neto (os dois da bancada do prefeito). Sandro tem atirado ‘chumbo grosso’ em Dionísio. No mais, as tardes por lá têm sido tão tranquilas que dá até para fazer umas selfies.

 

ITABAIANINHA

 

Em Itabaianinha aconteceu um dos maiores debates sobre a Reforma da Previdência e o assunto recorrente foi sobre um radialista de uma emissora "comunitária" que tem feito a defesa da reforma e atacando quem é contrário, principalmente o movimento sindical. Segundo os professores da cidade, ele tem demonstrado que não conhece nada sobre o tema, é o tipo do desinformado que fala pelos cotovelos, agride as pessoas e contribui para a desinformação da população. Pelo visto o homem é um deserto de ideias.

 

SANTA LUZIA DO ITANHY I

 

Na quinta-feira, dia 23, aconteceu uma audiência pública para debater a Reforma da Previdência na câmara de vereadores por sugestão do SINTESSE, e a coordenadora geral da entidade na região sul Maria Augusta Alves foi a palestrante. A mesma cobrou dos parlamentares luzienses que procurem os seus aliados no congresso nacional e peçam para não votarem nas reformas da morte.

 

SANTA LUZIA DO ITANHI II

 

Na sexta-feira, dia 24, também em Santa Luzia no Colégio Estadual Comendador Calazans, o SINTESE convidou os professores, servidores, trabalhadores rurais, marisqueiras e pescadores para debater a Reforma da Previdência. Os presentes pautaram o debate do dia anterior na câmara e o assunto recorrente foi a falta de respeito do vereador Ademir com as pessoas que estavam lá. Ele além de defender a terceirização e a reforma da Previdência, depois de fazer uso da palavra foi embora enquanto a sessão seguia. É obvio que com as empresas terceirizadas os prefeitos têm como "ajeitar" os vereadores aliados loteando os cargos dos terceirizados.

 

SANTA LUZIA DO ITANHY III

 

O magistério luziense reagiu à insinuação do vereador Ademir de que servidores e professores "fazem corpo mole" no trabalho por conta da estabilidade. Com certeza o vereador desconhece que esse direito foi uma conquista dos servidores na constituição de 1988. Ele não sabe que os trabalhadores da iniciativa privada também tinha estabilidade.

 

SANTA LUZIA DO ITANHY IV

 

Ademir culpou os professores pela queda do município na avaliação do IDEB, e sobre isso uma professora da rede municipal contratacou dizendo que é mais fácil jogar a culpa nos educadores (e fazer média com o poder) do que denunciar que as escolas não dão a menor condição de trabalho, falta alimentação escolar e até papel, sem contar que as unidades escolares parecem mais com depósito de alunos e presídios; sem área para a prática do esporte e lazer nem biblioteca; nem espaço tecnológico. O vereador achou pouco as críticas feitas aos professores, que ao abandonar a sessão disse: "eu é que não vou ficar aqui pra ouvir discurso de professor, eles não votaram em mim".

 

SANTA LUZIA DO ITANHY V

 

Os professores aproveitaram o evento para denunciar o prefeito Edson Cruz (PMDB) que não paga o reajuste do piso salarial há três anos, no entanto já se caracterizou como o prefeito festeiro, aquele que não tem dinheiro pagar as obrigações com os professores e servidores, mas tem para fazer festa.

 

SANTA LUZIA DO ITANHY VI

 

Os sindicalistas reconhecem a importância da resolução do Tribunal de Contas que proibiu os municípios em dívida com os servidores de realizarem festas, porem a resolução não fala nada sobre a falta de reajuste salarial dos servidores ou do piso salarial dos professores, aí o prefeito Edson Cruz continuou a fazer festas. Os salários estão em dia, é verdade, mas também é verdade que sem reajuste há três anos o poder de compra está sendo corroído.

 

SANTA LUZIA DO ITANHY VII

 

O presidente do Sindicato dos Servidores de Santa Luzia, Andreson Silva, disse que Edson Cruz além de não cumprir as suas obrigações com os servidores não recebe o sindicato da categoria para abrir uma negociação. Maria Augusta informou que o mesmo acontece com o SINTESE.

 

SANTA LUZIA DO ITANHY VIII

 

As professoras lembraram que durante a administração do ex-prefeito Adauto Amor, a cidade de Santa Luzia pagava o melhor salário da região sul aos professores (superando Estância), e um dos melhores de Sergipe. Hoje o salário do magistério cresce como rabo de cavalo (pra baixo).

 

INDIAROBA

 

A audiência pública solicitada pelo SINTESE, em Indiaroba, resultou numa moção assinada por todos os vereadores contra a Reforma da Previdência. O documento será entregue aos deputados e senadores. Muito bem.

 

TOMAR DO GERU

 

Aconteceu também na cidade de Tomar do Geru audiência pública sobre a Reforma da Previdência com a participação do STTR – Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, FETASE, SINTESE e CUT. A câmara de vereadores instalou a sessão na feira livre. O Deputado Federal João Daniel e o prefeito Pedrinho de Balbino participaram da atividade. Parabéns ao dirigente do STTR, o ao Sr. Nunes pela iniciativa.

 

CANINDÉ DO SÃO FRANCISCO

 

Na quinta feira pela manhã aconteceu audiência pública sobre a Reforma da Previdência também em Canindé de São Francisco. Quem organizou o evento foi o Sindicato dos Servidores Municipais, FETAM, MPA – Movimento dos Pequenos Agricultores, MST, FETASE e CUT. A Câmara de Vereadores acatou o pedido do movimento social para realizar a audiência, no entanto, apenas um vereador se fez presente.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
Senadora Gleisi Hoffmann fala sobre a campanha
Senadora Gleisi Hoffmann fala sobre a campanha "Anula Reforma"

http://anulareforma.cut.org.br

RÁDIO CUT

Copyright © 2002-2012 CUT Central Única dos Trabalhadores | 3.438 - Entidades Filiadas | 7.464.846 - Sócios | 22.034.145 - Representados
Rua Porto da Folha, nº 1039 – Bairro Cirurgia – CEP: 49055 540 – Aracaju/SE | Tel.: (79) 3214-4912 – Fax: (79) 3222-7218